artistasgauchos









Desenvolvido por:
msmidia

Karine Cunha
Karine Cunha
Clique nas imagens para ampliá-las
Clique para ampliar Clique para ampliar Clique para ampliar

 seja um seguidor desse artista

Há quem diga que Karine da Cunha é filha de Ogum e Iansã, ambos guerreiros. Independente disso Karine construiu uma carreira vitoriosa cheia de conquistas muito batalhadas.Teve o privilégio de estudar música ainda criança e sem pensar naturalmente adotou a música como profissão. Pioneira, sempre gostou de desafios e desde 1997 quando entrou no curso de música da UFRGS como única mulher na turma do violão, foram muitos os desafios.Foi também há treze anos atrás que Karine começou sua carreira como intérprete, cantando em espaços culturais, bares e outros como o Mercado Público de Porto Alegre, Cisne Branco, Café Concerto Magestic e eventos particulares. Teve a oportunidade de participar de dois grupos musicais embora muito diferentes entre si foram experiências que permitiram a Karine crescer como intérprete, artista e compositora. De 1997 a 1998 participou da Orquestra de Mantras Rudraksha a convite do músico Aurélio Edler e da gravação do primeiro CD do grupo. Em 1998 ingressou no Vocal D`Quina Pra Lua (hoje Banda Maria Vai Com As Outras) onde ficou até 2002 ano em que foi lançado o CD Maria Vai Com As Outras. Mas paralelamente a todas essas experiências Karine desenvolveu o exercício da composição desde os primeiros acordes que aprendeu no violão ainda na infância. Em 2003 ela decidiu assumir-se como compositora montando um show autoral chamado Fluida. Assumiu todas as funções (produção, direção musical, figurinista, etc) e de 2003 a 2005 apresentou o show Fluida em diversos eventos e projetos culturais em Porto Alegre e no Estado além de participar com suas canções de festivais nacionais de música. Em 2004 conquistou com a música "Fogueira" o 3o. lugar no I Festival de MPB da UPF. Com esse prêmio foi possível produzir seu primeiro CD independente Fluida lançado em 2005. Por este trabalho conquistou o Prêmio Açorianos de Música na categoria Melhor Intérprete. Embora Karine se dedicasse muito para a venda de shows, participação em eventos e editais, sempre atuou como educadora (violão e canto) para garantir-se financeiramente. Nestes treze anos de carreira todas as suas ações (shows, CDs) foram bancadas com recursos próprios. Embora tenha orgulho de ser uma artista gaúcho sempre se considerou uma artista brasileira daí a necessidade em tocar em outros Estados, fazer-se conhecida e conhecer a cena independente de outros lugares. Por isso em 2006 começou uma espécie de "circuito solitário" por Florianópolis, Curitiba e São Paulo e desde então não parou mais. O circuito foi se ampliando e o mais recente virou uma "turnê" de cinco meses que inclui os estados de SC, BA, PB, PE, CE, MA e PA. Desde 2001 Karine conta com o apoio afetivo e musical do violonista Marcus Bonilla, "seu fiel escudeiro", produtor dos CDs Fluida e Epahei, lançado em 2007. E foi com Marcus que Karine apresentou Epahei aos estados do nordeste e norte do país dos quais teve um retorno muito positivo em termos de receptividade da classe artística e do público. Em Epahei, Karine e Marcus puderam aprofundar ainda mais o conceito de uma música brasileira feita em Porto Alegre através da cultura afro como tema embalada por ritmos regionais e brasileiros. O CD Epahei (também independente) contou com a participação de músicos locais como Ana Paula Freire, Karlo Kulpa, Vinicius Prates, Pedro Huff, Paula Bujes, Javier Balbinder, entre outros. Visualmente o CD Epahei traduz a essência artesanal da música de Karine, o CD é um retrato de um momento de muita inspiração. Além das canções que falam de orixás, há três poemas musicados por ela: "Bilhete"de Mario Quintana, "Por Gentileza" do cearense Alan Mendonça e "Carretéis"de Sérgio Napp. O CD encontra-se a venda em Porto Alegre na lojinha da Casa de Cultura Mario Quintana, Palavraria e Livraria Cultura. Atualmente Karine e Marcus residem em Chapecó, SC mas Karine segue com seus "circuitos solitários" participando de eventos e projetos em voz e violão em Porto Alegre e outras cidades e Estados. Além do show Epahei, Karine vem apresentando desde 2006 os shows Yá-lé com a pianista Bethy Krieger; Quando a poesia canta com Mario Pirata e os shows solo Poema de Ouvido e Cantando Elas. No momento Karine está em fase de pré-produção do seu terceiro CD com previsão de lançamento para abril de 2011. Aguardem!


Cidade Porto Alegre
Telefone(s) 51-3061-9458
E-mail karine@karinecunha.com.br
Site www.karinecunha.com.br


Destaques

 

A presença de Karine Cunha no portal é um oferecimento de:



 Cadastre-se como seguidor desse artista

Prestigie seu artista favorito.

Nome :
E-mail :
Cidade/UF: /
 
  


Seguidores desse artista (1)


Este perfil já foi acessado 3879 vezes.

.

Copyright © msmidia.com







Cursos em Porto Alegre

Cursos de Escrita

Cursos para escritores

Confira cursos e oficinas exclusivos feitos especialmente para escritores ou aspirantes a escritores.

Mais informações


Cursos de Escrita

Oficinas literárias

Oficinas de criação literária e escrita criativa em Porto Alegre.

Mais informações

 


Apoio Cultural