artistasgauchos












Desenvolvido por:
msmidia

Memórias de um legionário, o livro de Dado Villa-Lobos
Daniela Fragomeni

As páginas narradas por Dado Villa-Lobos são combustível para os fãs dos legionários. Pela primeira vez, um integrante da banda Legião Urbana registra suas memórias em um livro. Precisão e razão marcam os relatos e revivem a admiração pelo pacato guitarrista da banda de rock que mais vendeu discos no Brasil. A obra quebra o silêncio e é uma resposta ao conflito que mina a liberdade dos integrantes da Legião. Dado relatao já conhecido entrave entre os integrantes da Legião com o herdeiro de Renato Russo, que possui todos os direitos da marca Legião Urbana. A disputa não dói só na alma de Dado mas também no espírito do leitor, apesar de aparentemente resolvida.

Desde o cenário underground, passando pelas criações, gravações, shows e pelo relacionamento entre seus integrantes, o livro é um documento histórico importante para o cenário musical brasileiro.Devido ao acervo organizado pelaprimeira empresária da Legião Urbana,Fernanda, também mulher de Dado, e do apoio dos historiadores Felipe Demier e Romulo Mattos, o livro mostraa essência de seus integrantes no contexto dos anos de 1982 a 1996. E eles são deliciosamente complicados e imperfeitos. Está tudo ali, as brigas, os bons e os maus momentos.

Mas o livro é também sobre a vida de Dado Villa-Lobos e vai além dos anos da Legião. A influência por ser filho de diplomata fica marcante quando ele cita os nomes de seus amigos com todos os nomes e sobrenomes de seus pais, seguidos dos cargos que ocupavam. A personalidade pacata do guitarrista é evidente no enfrentamento dos conflitos e na amizade com Rento Russo. Mesmo furiosos, cansados e estressados, mantiveram sempre o respeito. A união da genialidade do Renato, da segurança de Dado e da tempestividade de Bonfá são contadas com extrema sinceridade e humildade. E essa á a prova que o livro dá, de que a Legião não foi só de Renato Russo, apesar de girar em torno de sua personalidade. Está explicito nas ações, criações e atitude de todos aqueles anos de convivência que a Legião Urbana só existiu devido à parceria de seus integrantes.

Os momentos políticos e econômicos enfrentados pelo país afetaram diretamente a vida dos legionários. Dado conta que o plano Collor revoltou a todos,quando pela primeira vez tinham juntado algum dinheiro na vida. Esta perda financeira os estimulou a batalharempor toda a grana de volta por meio de shows e gravações.A crise afetou também as gravadoras, o que impactou algumas decisões da banda.Porém, o início da abertura política e fim da ditadura militar que coexistiram com a Legião são ainda mais importantes para a formação e contextualização de sua existência.

Quando a banda acabou, com a morte de Renato Russo aos 36, Dado tinha apenas 32 anos. E parece muito pouco e muito precoce. Foram anos vividos com muita intensidade e de grandes momentos. O músico termina o livro com a frase “não foi tempo perdido” e todos os capítulos são intitulados com trechos das músicas da Legião Urbana que de tão populares tornaram-se clichês. Uma homenagem e uma constatação de que todas elas estão vivas nas mentes de toda essa geração e legião de fãs.


04/06/2015

Compartilhe

 

Comentários:

Envie seu comentário

Preencha os campos abaixo.

Nome :
E-mail :
Cidade/UF:
Mensagem:
Verificação: Repita os caracteres "073302" no campo ao lado.
 
  

 

  Resenhas

As resenhas pubicadas no portal Artistas Gaúchos são de inteira responsabilidade dos articulistas. Se você deseja enviar um texto, entre em contato com o editor do portal. Não é necessário estar cadastrado no portal para enviar resenhas e a veiculação ou não é uma escolha editorial.

editor@artistasgauchos.com.br


Colunas de Resenhas:


Os comentários são publicados no portal da forma como foram enviados em respeito
ao usuário, não responsabilizando-se o AG ou o autor pelo teor dos comentários
nem pela sua correção linguística.


Copyright © msmidia.com







Cursos em Porto Alegre

Cursos de Escrita

Cursos para escritores

Confira cursos e oficinas exclusivos feitos especialmente para escritores ou aspirantes a escritores.

Mais informações


Cursos de Escrita

Oficinas literárias

Oficinas de criação literária e escrita criativa em Porto Alegre.

Mais informações

 


Livros em destaque

O Guardião da
Chave Dourada

Airton Ortiz

Fundamentos à prática de revisão de textos

A Fantástica Jornada do Escritor no Brasil

 

compre nossos livros na