artistasgauchos









Desenvolvido por:
msmidia

A Feira do Livro de POA é muito mais que a Feira
Marcelo Spalding

 
Desde que nasci a cidade ganha, meio que de uma hora para outra, uma enorme Feira do Livro bem no seu Centro. A maior da América Latina. E há alguns anos que estou envolvido com a Feira, seja autografando, palestrando, dando oficinas ou, agora, atuando como editor.
 
Pouca gente sabe que a Feira começou porque as pessoas não tinham o hábito de ir a livrarias, livros no começo do século XX eram vistos como objetos meio sagrados, as pessoas não ficavam à vontade para entrar em uma livraria e ficar folheando os livros. Meio como eu me sinto hoje quando passo perto de uma joalheria. Assim, um grupo de editores e jornalistas teve a ideia de levar o livro até as pessoas, colocando-os em exposição na praça. Deu certo. Deu muito certo. Deu tão certo que hoje centenas de municípios do Rio Grande do Sul e milhares de escolas têm suas próprias Feiras do Livro.
 
Nem tudo são flores, claro. De lá para cá muito se debateu sobre o futuro do livro, e talvez mais ainda nos últimos 10 anos, em função do surgimento dos e-books e de novas possibilidades para publicação de conteúdo. Mas o livro não acabou, e parece a cada ano revigorado na praça. Apesar do constante fechamento das pequenas e médias livrarias, apesar da crescente concentração do mercado editorial nas mãos de poucos grupos internacionais, apesar da enxurrada de blockbusters que tomaram conta das vitrines das livrarias.
 
Descobrimos, ao longo desses 10 anos, que o maior adversário do artista local não é mesmo a tecnologia: é o mercado. E a Feira, que começou para levar o livro para perto das pessoas, hoje tem um papel diverso e talvez ainda mais importante: dar vazão à diversidade do mercado editorial gaúcho. Só na Feira a grande Saraiva tem o mesmo espaço que a livraria do Zé, e só na Feira meu livro está exposto ao lado do livro de vampiro do momento.
 
Por isso, e por toda a repercussão na mídia, e pela multidão de gente que vai até o Centro, a Feira do Livro não é apenas uma Feira, é muito mais do que isso.

03/12/2014

Compartilhe

 

Comentários:

Amigo Marcelo para mim a Feira do Livro em Porto Alegre é o maior acontecimento literário da cidade.Desde longos anos sempre frequentei a Feira como Leitora.Em 2007 lancei meu primeiro e único até agora na Feira.A partir daí tenho participado como escritora em lançamentos de Coletâneas.Este ano participei de quatro lançamentos de Coletâneas e Antologias.Sou também consumidora, porque me abasteço dos livros que desejo.A Feira do livro é uma festa, um encantamento,um encontro de pessoas, de amigos.
E novembro de 2014 a nossa Academia dos Escritores do Litoral Norte lançou a sua IV Antologia.
Suely Braga, Osório RS 29/01/2015 - 22:12
Olá Marcelo, estive na Feira de 2014 prestigiando amigas escritoras; a Feira do Livro de Porto Alegre é minha conhecida de longa data e visita-la é sempre um prazer e alegrias renovadas.Parabéns pela dedicação e pelo trabalho em sua Oficina de Criação Literária, que 2015 seja um ano de belas criações.
Edna Margarida Gaidzinski Bastos, Criciúma, SC.
Edna Margarida Gaidzinski Bastos, Criciúma - SC 27/01/2015 - 21:19
A Feira do Livro é, antes de tudo, a festa das letras. Ela convida o visitante a sentar-se à sombra dos Jacarandás floridos e alimentar seu intelecto. Há livros para todos os "apetites"!
Há, também, uma Banca para troca de livros o que é uma ótima ideia. Já fiz isso na última feira, sem precisar gastar.E, há o incentivo aos pequenos, formando turmas de novos leitores.
Heloisa Maialaender, PORTO ALEGRE 19/12/2014 - 21:20
A feira do livro é um espaço de socialização.
Temos que compreender a literatura como um fenômeno cultural e histórico que se relaciona com outras instâncias da vida social, trabalhando num processo de ensino e aprendizagem para formar seus educandos no gosto pela literatura em compreensão de como a arte literária se articula com a vida social. Um feliz Natal e um próspero Ano Novo a todos os escritores.
Jorge Luis Martins, Porto Alegre/RS 19/12/2014 - 13:39

Envie seu comentário

Preencha os campos abaixo.

Nome :
E-mail :
Cidade/UF:
Mensagem:
Verificação: Repita os caracteres "335010" no campo ao lado.
 
  

 

  Marcelo Spalding

Marcelo Spalding é formado em jornalismo e mestre em Literatura Brasileira pela UFRGS, professor da Oficina de Criação Literária da Uniritter, editor do portal Artistas Gaúchos, autor dos livros 'As cinco pontas de uma estrela', 'Vencer em Ilhas Tortas', 'Crianças do Asfalto', 'A Cor do Outro' e 'Minicontos e Muito Menos', membro do grupo Casa Verde e colunista do Digestivo Cultural. Recebeu o Prêmio AGES Livro do Ano 2008 pelo livro 'Crianças do Asfalto', categoria Não-Ficção, e o Prêmio Açorianos de Literatura em 2008 pelo portal Artistas Gaúchos.

marcelo@marcelospalding.com
www.marcelospalding.com
www.facebook.com/marcelo.spalding


Colunas de Marcelo Spalding:


Os comentários são publicados no portal da forma como foram enviados em respeito
ao usuário, não responsabilizando-se o AG ou o autor pelo teor dos comentários
nem pela sua correção linguística.


Copyright © msmidia.com







Cursos em Porto Alegre

Cursos de Escrita

Cursos para escritores

Confira cursos e oficinas exclusivos feitos especialmente para escritores ou aspirantes a escritores.

Mais informações


Cursos de Escrita

Oficinas literárias

Oficinas de criação literária e escrita criativa em Porto Alegre.

Mais informações

 


Apoio Cultural