artistasgauchos












Desenvolvido por:
msmidia

Literatura

ESCRITORES CONSAGRADOS X ESCRITORES NOVATOS: amigos ou rivais?
Cláudia de Villar

A cada dia, mês ou ano que passa há cada vez mais novos autores na praça. E quando me refiro ‘praça’ não quero dizer território nacional, mas algo em menor escala, refiro-me ao município/cidade e, com isso, a concorrência e a corrida para o destaque está cada vez maior.

Obviamente, todos os antigos e novos escritores querem conquistar o seu lugar ao sol, o que não é fácil, pois tornar-se um escritor com um volume considerável de leitores ou de obras lidas é um trabalho árduo, que requer paciência e muita força de vontade, pois o mercado está cada mais apresentando novas opções e novos “concorrentes”, como a mídia e editoras com os seus escritores estrangeiros e suas obras mais ‘em conta’.

Entretanto há um dado, não novo, mas que chama a atenção: a relação entre os escritores. Será que é uma relação de parceria? Ou é ‘cada um por si e Deus por todos?’ Quantas sessões de autógrafos e lançamentos contam com a presença de outros escritores a prestigiar o trabalho do colega? Sim, sei que existem muitos escritores que vão, comparecem e dão força tanto para escritores já consagrados ou mais conhecidos, quanto de novos escritores, mas não há como negar que ainda há uma certa resistência em comparecer aos eventos de colegas de profissão.

Percebo que em se tratando de outro meio artístico, a música, por exemplo, há uma parceria invejável. Cantores ou bandas que já fazem sucesso convidam novos músicos a ‘abrirem’ os seus shows, muitos inclusive, cantam com esse novo cantor uma música para dar um ‘empurrãozinho’ na carreira do colega, mas no meio literário, ao qual já enfrenta tanta resistência do público, não percebo essa harmonia em grande escala.

Sinto dizer, mas às vezes dá a impressão que alguns autores repetem a mesma atitude ‘pequena’ de alguns leitores que não gostam de ‘marcar presença’ ou de aparecer na ‘foto’ junto com escritores iniciantes ou novatos. Soa como se não contasse ponto aparecer no facebook ao lado de um recém surgido do nada!

Por outro lado, há os casos positivos, aqueles que têm alma solidária e colocam a “cara pra bater” e fazem questão não apenas comparecer a tais eventos literários, mas compartilham os lançamentos e as sessões de autógrafos, dando assim, exemplo não apenas aos seus próprios leitores, mas às demais pessoas que circulam pelas redes, reforçando e dando crédito aos novos escritores, mas também a si mesmo, pois não fica bem para o seu currículo dar crédito apenas aos profissionais já consagrados da escrita, assim, dessa forma, penso que a mensagem que passará aos seus leitores é de que uma pessoa prepotente, que escreve fantasia, mas que pratica a dura e crua realidade do desprezo.

Afinal, fica a pergunta que não quer calar: há solidariedade entre os escritores?


14/05/2014

Compartilhe

 

Comentários:

Também concordo que há uma certa competição, eu diria uma grande rivalidade entre escritores consagrados x novatos!Pois, ninguém dá apoio a quem estar apenas começando, buscando como eu, o seu lugar no espaço!A concorrência chega a ser desleal, é como a briga do Gigante Golias, tentando devorar seu algóis!Como se não bastasse, os obstáculos: Falta de dinheiro, de apoio financeiro e moral, divulgação,entre outras mais...
Em suma, ser escritor hoje em dia não é nada fácil!
Adilson Adalberto da silva, Itabaiana/ Paraíba 29/05/2014 - 00:58
Concordo plenamente com sua observação e, já presenciei casos em que o escritor consagrado faz até trabalho de desestímulo ao novato, talvez insegurança com algo que dá sinais de estilo mais ousado, talvez evitar futura concorrência! Talvez... É uma pena que haja tão pouca empatia nesse meio.
Djine klein, Porto Alegre / Viamão 15/05/2014 - 14:08
Certo editor afirmou um dia: "Se cada poeta comprasse um livro de poesia, estaria resolvido o problema de publicar livros do gênero".
José Alberto de Souza, Porto Alegre/RS 15/05/2014 - 13:32

Envie seu comentário

Preencha os campos abaixo.

Nome :
E-mail :
Cidade/UF:
Mensagem:
Verificação: Repita os caracteres "490509" no campo ao lado.
 
  

 

  Cláudia de Villar

Cláudia Oliveira de Villar é natural de Porto Alegre/RS e atua desde 2000 como professora de séries iniciais do ensino fundamental em escola pública estadual. Possui doze livros publicados, sendo dez para o público infanto-juvenil e dois para adultos: Eu também... (Alcance, 2005, infantil), Bola, sacola e escola (Manas, 2009, infantil), Zé Trelelé no Gre-Nal (Manas, 2010, infantil), Uma foca na Copa (Manas, 2010, infantil), Meu Primeiro Amor (Manas, 2011, infantil), Aprendendo a viver e ensinando a sonhar (Manas, 2012, adulto), Rambo, um peixe no fandango (Manas, 2013, infantojuvenil), Mano e a boneca de pano (Manas, 2013, infanto-juvenil, O Mistério do Vento Negro, volumes I e II(Imprensa Livre, 2014-2015, juvenil), Um Continho de Natal(Metamorfose, 2016) e o lançamento de 2018: Histórias para ler no Intervalo ( Metamorfose, 2018). Participou de três antologias, Brasil Poeta (Alcance, 2005), Casa do Poeta Rio-Grandense (Alcance, 2005) e Mercopoema (Alcance, 2005) e uma coletânea de contos, Metamorfoses (Metamorfose, 2016). Além do curso de Magistério, Cláudia é graduada em Letras, especialista em Pedagogia Gestora e Supervisão Escolar. Atua no meio educacional também como mediadora de leitura e, como jornalista colaboradora, a escritora é colunista do Jornal de Viamão/RS, bem como escreve para o portal Artistas Gaúchos, Homo Literatus e Almanaque Literário.

claudiadevillar@yahoo.com.br
www.claudiadevillar.com.br
www.facebook.com/claudia.devillar


Colunas de Cláudia de Villar:


Os comentários são publicados no portal da forma como foram enviados em respeito
ao usuário, não responsabilizando-se o AG ou o autor pelo teor dos comentários
nem pela sua correção linguística.


Copyright © msmidia.com







Cursos em Porto Alegre

Cursos de Escrita

Cursos para escritores

Confira cursos e oficinas exclusivos feitos especialmente para escritores ou aspirantes a escritores.

Mais informações


Cursos de Escrita

Oficinas literárias

Oficinas de criação literária e escrita criativa em Porto Alegre.

Mais informações

 


Livros em destaque

O Guardião da
Chave Dourada

Airton Ortiz

Fundamentos à prática de revisão de textos

A Fantástica Jornada do Escritor no Brasil

 

compre nossos livros na