artistasgauchos












Desenvolvido por:
msmidia

Literatura

Independência ou Música
Uili Bergamin

Cá estamos em mais um 7 de setembro. Mas meus dias da Independência já não são como antes, quando vibrava ao assistir o desfile do exército, aqueles coturnos todos, todos juntos, como um só. Fuzis, carros de guerra, disciplina. Oh! belicosidade e deslumbramento juvenil! Como se isso fosse garantia de ordem. Como se esse dia (ou o do jogo da seleção), fosse desenho de nosso patriotismo nos 364 dias restantes do ano.

O êxtase perante as armas já não é o mesmo, nem a ilusão de que somos independentes. Mesmo a idéia de que temos o melhor futebol do mundo não é como antes. Talvez viver seja isso, ir perdendo, uma a uma, as fantasias da infância. Independência, ordem, melhor futebol do mundo, Coelhinho da Páscoa.

Mas não, nem tudo se foi. Ainda resta algo que faz meu coração bater mais forte a cada 7 de setembro: as Bandas Marciais. As melodias permanecem em mim, ainda hoje, e creio que para sempre. E neste caso, da música marcial, a disciplina e a ordem surtem efeito sincero e imediato. Efeito artístico, que é o que realmente importa e transforma. As cores dos uniformes e dos instrumentos, a evolução dos integrantes, o ecletismo das músicas, que vão do clássico ao popular, passando até pelo jazz e por marchas especialmente arranjadas, fazem dos desfiles um momento ainda admirável.

A responsabilidade de cada componente para uma boa apresentação pode ser entendida como metáfora da sociedade como um todo. Dominar a técnica, conhecer o instrumento, acompanhar o ritmo e a marcha. Talvez seja metáfora do cosmos inteiro, como diriam Kepler e Copérnico: a harmonia das esferas.

E temos muitas e ótimas Bandas Marciais em nossa cidade. Um excelente motivo para irmos à avenida neste próximo sete de setembro.
Assim, enquanto a morte espera por minha colheita, e enquanto permanecemos dependentes, seja dos países de primeiro mundo, seja das leis da moda e do consumismo, vou gritando meu próprio brado para os próximos desfiles:

Independência e Música.


07/09/2010

Compartilhe

 

Comentários:

Grande Uili, sempre um prazer ler seus trabalhos...ou seria, seus "lazeres"?
Abração
Le Daros, Caxias/RS 09/09/2010 - 11:43
Parabéns,você é uma pessoa de talento.Fico feliz,pois você mereçe.Abraço.Cris.
Maria Cristina Tiburi, Caxias do Sul-RS 07/09/2010 - 17:19

Envie seu comentário

Preencha os campos abaixo.

Nome :
E-mail :
Cidade/UF:
Mensagem:
Verificação: Repita os caracteres "273809" no campo ao lado.
 
  

 

  Resenhas

As resenhas pubicadas no portal Artistas Gaúchos são de inteira responsabilidade dos articulistas. Se você deseja enviar um texto, entre em contato com o editor do portal. Não é necessário estar cadastrado no portal para enviar resenhas e a veiculação ou não é uma escolha editorial.

editor@artistasgauchos.com.br


Colunas de Resenhas:


Os comentários são publicados no portal da forma como foram enviados em respeito
ao usuário, não responsabilizando-se o AG ou o autor pelo teor dos comentários
nem pela sua correção linguística.


Copyright © msmidia.com







Cursos em Porto Alegre

Cursos de Escrita

Cursos para escritores

Confira cursos e oficinas exclusivos feitos especialmente para escritores ou aspirantes a escritores.

Mais informações


Cursos de Escrita

Oficinas literárias

Oficinas de criação literária e escrita criativa em Porto Alegre.

Mais informações

 


Livros em destaque

O Guardião da
Chave Dourada

Airton Ortiz

Fundamentos à prática de revisão de textos

A Fantástica Jornada do Escritor no Brasil

 

compre nossos livros na